domingo, 13 de setembro de 2009

Jesus jejuou no deserto por 40 dias?

Sim, Jesus não comeu nada por 40 dias:

Lucas 4:1 Jesus, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão e foi guiado pelo mesmo Espírito, no deserto,

Lucas 4:2 durante quarenta dias, sendo tentado pelo diabo. Nada comeu naqueles dias, ao fim dos quais teve fome.

Não, Jesus foi servido pelos anjos:

Marcos 1:12 E logo o Espírito o impeliu para o deserto,

Marcos 1:13 onde permaneceu quarenta dias, sendo tentado por Satanás; estava com as feras, mas os anjos o serviam.

66 comentários:

  1. A palavra nos revela que os anjos serviam Jesus, e não que o alimentava... Jesus ficou lá durante quarenta dias, sendo tentado por Satanás. Ali havia animais selvagens, e os anjos cuidavam de Jesus, em momento algum a palavra diz q os anjos o alimentavam...
    Se vc prefere seguir o mundo, siga, mas não blasfeme, e não direcione as pessoas de forma equivocada.. leia, basei-se nas escrituras, dessa forma, eu creio, você será o primeiro a exaltar o nome do Senhor! Tathiana Araújo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. parabens Tatiana, é isso mesmo, a palavra diz que os Anjos serviam Jesus, ñ que os alimentavam, as pessoas precisam aprender a entender o contexto das escrituras... ter mais tempo para oração e meditação da palavra para ñ sair por ai falando o que ñ sabem, pois assim tentando mudar o que ñ pode ser mudado!

      Excluir
  2. Blasfêmia é um crime imaginário contra um ser imaginário.

    No Codex Sinaiticus (uma das cópias mais antiga da bíblia) está escrito:

    Mark 1:13 "And he was in the wilderness forty days tempted by Satan; and he was with the wild beasts, and the angels ministered to him."

    Traduzindo a última parte:

    Marcos 1:13 "..., e os anjos ministraram-lhe."

    Significado de Ministrar
    v.t. Dar, fornecer, prestar: ministrar conhecimentos.
    Administrar, conferir: ministrar um sacramento.
    Apresentar, servir.
    Sugerir, inspirar.

    Então os anjos podem ter alimentado Jesus, sim.
    Além do que, cuidar pode significar que eles cuidaram da sua condição física, alimentando-o

    ResponderExcluir
  3. Mateus 4:10 Então disse-lhe Jesus:Vai- te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás.

    Mateus 4:11 Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos e os serviam.

    Mateus fala que os anjos os serviam depois que Satanás foi embora
    Lucas falou nada de anjos
    Marcos resumiu o que aconteceu em dois versículos

    Marcos 1:12 E logo o Espírito o impeliu para o deserto,
    Marcos 1:13 onde permaneceu quarenta dias, sendo tentado por Satanás; estava com as feras, mas os anjos o serviam.

    Jesus passou quarenta dias no desertos e depois que Satanás foi embora os anjos serviam Jesus.

    os quatro livros contam a historia de Jesus, mas a forma como aconteceu em forma diferente, por exemplo:

    nessa parte
    Mateus conta a historia toda
    Marcos conta a historia resumida em dois versículos
    Lucas conta a historia mas não em anjos

    ResponderExcluir
  4. Bom...a bíblia tem milhares de incoerências.
    Essa é mais uma delas. O evangelhos são incorretos e imprecisos quando comparados entre si e quando comparados com outros livros da bíblia. Não se podia esperar outra coisa de um livro que não tem nenhum compromisso com a a verdade e é imoral.

    ResponderExcluir
  5. os evangelhos colocaram o que eles viam e o que aconteciam, se for comparar todos vai ter alguns erros, mas eles conta a historia de Jesus inteira.

    ResponderExcluir
  6. Errado, ate mesmo a igreja confirma que a a biblia so teria cido encrita decadas depois da suposta morte de cristo, ja era uma historia sendo recontada a decadas.

    Mesmo se fosse escrita pelo proprio Jesus, ainda sim não seria evidencia de que ele era o filho de deus, afinal, hoje em dia você pode encontrar pessoas que acreditam que foram abduzidas por alienigenas, mas sem evidencias, as uas historias tem o mesmo peso.

    ResponderExcluir
  7. a igreja falou que a bíblia teria sido escrita a decadas depois da morte de Cristo, e por isso que algumas partes dos quatro evangélicos então diferentes.

    se fosse escrita por Jesus teria só um livro, não precisaria dos quatro para contar a historia, e tem evidencias no passado as pessoas que Jesus curou com milagre.

    as pessoas abdusidas por alienígenas não teria mesmo peso se não a gente já variamos os aliminiginas.

    ResponderExcluir
  8. Quem falou foram os historiadores. A igreja viu-se obrigada a corroborar essa alegação quando foi confrontada com as evidências e provas.

    O Evangelho mais antigo teria sido o de Marcos, cuja data de escrita costuma ser calculada entre os anos 55 e 65 da era comum.

    Os livros mais antigos teriam sido as epístolas de Tiago e de Paulo aos gálatas, cuja época teria sido, aproximadamente, em torno do ano 49 da era comum.

    Portanto TODOS os livros do NT foram escritos muitas décadas após a suposta morte do dito Jesus.

    Então, NENHUM dos autores dos evangelhos foi testemunha ocular dos fatos que descreveram. Eles escreveram o que OUVIRAM de outras pessoas, ou modifiram ou inventaram uma parte do todo ou o todo.

    Não existe evidência nenhuma que um tal Jesus teria feito qualquer milagre. O único lugar onde isso é citado é na bíblia. E a bíblia não é prova histórica. A bíblia é uma coletânea de contos. Mas como você afirma que existem evidências, você deve ter provas disso. Por favor, poste aqui as provas que você possui.

    “as pessoas abdusidas por alienígenas não teria mesmo peso se não a gente já variamos os aliminiginas.”...HAHAHAHAHAHA.... Você tem noção da besteira que você escreveu? Lógica zero...

    ResponderExcluir
  9. Evangelho de João foi feito em torno de 90anos d.C

    Evangelho de Mateus alguns estidiosos acham que foi feito 50anos d.C. Mais muitos críticos o datam depois de Jerusalém , geralmente entre 80 e 100 anos depois d Cristo

    Evangelho de Marcos foi feito 70 anos depois de Cristo

    Evangelho de Lucas foi escrito entre 90-100 anos depois de Cristo

    e essas são as datas dos evangelhos.

    aqueles exemplos que eu estava dando, em varios tópicos, e um exemplo para mostrar que a historia pode ficar diferente conforme passar o tempo e que a pessoa que consegue informação dias diferentes que as outras, acaba acontecendo algo diferente na historia.

    e nos evangelhos nenhum deles tem a mesma data quando foi feito.

    "Não existe evidência nenhuma que um tal Jesus teria feito qualquer milagre."

    que milagre que Jesus fez curou as pessoas, e essas pessoas que ele curou já estão mortas a muito tempo, não tem evidencias para as pessoas que Jesus curou.

    "HAHAHAHAHAHA.... Você tem noção da besteira que você escreveu? Lógica zero..."

    eu seu o que eu escrevi foi uma brincadeira :D

    ResponderExcluir
  10. fernandes...

    Quando eu falo que não existe nenhuma evidência, não estou só falando de evidência física, mas também do que os historiadores teriam escrito.

    Existia, pelo menos, uma centena de historiadores que eram contemporâneos de Jesus.

    E nenhum escreveu sobre Jesus.

    E, convenhamos, se tivesse existido um homem que quando criança impressionava os mais sábios de sua época com suas conversas, que andou sobre a águas, multiplicou o pão, transformou água em vinho, curou os doentes, expulsou demônios, ressuscitou os mortos, ele próprio ressuscitou após o terceiro dia de sua morte, esses seriam eventos tão extraordinários que seriam observados e descritos por alguns deles.

    E o fato é que esses relatos não existem. E os poucos relatos que aparecem são comprovadamente falsos.

    E foi você que afirmou “... e tem evidencias no passado as pessoas que Jesus curou com milagre”.

    E depois você diz “...não tem evidencias para as pessoas que Jesus curou.”

    Afinal, as evidências existem ou não? Se existem poste aqui as fontes. Se não existem você tem de admitir que não passa de lenda.

    Um abraço...

    Sérgio

    ResponderExcluir
  11. Sergio

    eu diz que não tinha evidencias para o dia de hoje, porque as evidencias que tinha estão no passado na época que Jesus fazia milagre.

    Jesus curava as pessoas, fazia a pessoas reviver, multiplicava os alimentos e etc. naquela época, então as evidencias estão com as pessoas que viram isso acontecer, e as pessoas que receberam milagres.

    Não tem evidencias físicas para isso no dia de hoje, porque todas pessoas naquela época estão todos mortos.

    a evidência certa para provar que Jesus existiu seria um vídeo dele fazendo um milagre!
    porque as pessoas que viram que Jesus fez, e contasse para todo mundo que Jesus fez, conforme ia passar o tempo a pessoa ia achar que isso e uma historia inventada!

    entende o que eu estou querendo dizer?

    Um abraço...

    fernandes

    ResponderExcluir
  12. Sim, entendo.

    Só que o único lugar que descreve esses eventos é a bíblia, e a bíblia não é documento histórico.

    E não precisamos de um vídeo para comprovar um fato. Pois não temos um vídeo mostrando como Alexandre o Grande combatia suas guerras, nem um vídeo mostrando como o Faraó Kheops ordenou a contrução da piramide de Gizé.

    E nem por isso duvida-se desses fatos já que exitem evidências, provas e fontes de informação descritas por historiadores que corroboram isso.

    Já sobre o dito Jesus, não existe NADA além do que está escrito na bíblia. E a bíblia não prova de nada, pois ela não é um documento histórico.

    Um abraço.

    Sérgio

    ResponderExcluir
  13. Quem disse isso?
    ...a bíblia tem milhares de incoerências.
    Essa é mais uma delas. O evangelhos são incorretos e imprecisos quando comparados entre si e quando comparados com outros livros da bíblia. Não se podia esperar outra coisa de um livro que não tem nenhum compromisso com a a verdade e é imoral.

    A pessoa que disse isso não tem entendimento nenhum e não conhece a Biblia. Você meu amigo vai prestar contas dessas blasfemias no dia do juizo!!! arrepnda-te enquanto pode.
    Antes de afirmar qualquer coisa, estude mais, pesquize mais e tenha bases teologicas para dizer isso!!!

    ResponderExcluir
  14. Se Jesus foi alimentado ou não pelos anjos que diferença faz!!! A diferença vai fazer se Ele, Jesus, é o Senhor de sua vida, se não for é mera especulação que não tem sentido nenhum se discutir!!! Para os que se acham cultos digo: A Biblia é inerrante e não contem erro algum e ai daquele que dizer o contrario!!!
    Jesus precisa ser Senhor e salvador de sua vida para vc conhecer de fato sua palavra, pois só o Espirito Santo dá o entendimento dela. Vc tem o Espirito Santo?

    ResponderExcluir
  15. "A pessoa que disse isso não tem entendimento nenhum e não conhece a Biblia. Você meu amigo vai prestar contas dessas blasfemias no dia do juizo!!! arrepnda-te enquanto pode."

    "Adoro" ver isso, é so um religioso ficar sem argumentos que ele ja recorre as ameaças de sempre.

    ResponderExcluir
  16. Ei Mauricio, vc precisa ler, pesquisar, entender, pensar, refletir antes de afirmar do que não tem conhecimento....Primeiro, não sou religiosa, pois religião não salva ninguém! segundo, não estou sem argumentos, pois se estivesse não tinha falado do que não tenho conhecimento.... como alguns fazem (igual a vc)..... Penso que vc tenta se esconder atras de um argumento que mal sabe defender e apoiar!!!

    ResponderExcluir
  17. Quem disse isso fui eu, Sérgio.

    Você inferir que eu não conheço a bíblia só demonstra que você ataca a pessoa (Argumentum ad hominem) em vez de atacar o argumento. E demonstra também que você não sabe discutir um assunto.

    Eu conheço a bíblia.

    E eu posso afirmar "A BÍBLIA É UM LIXO".

    Eu já estudei a bíblia e posso afirmar isso sem erro nenhum.

    Vá ameaçar com o dia do juízo final à quem acredita nessa papagaiada.

    Blasfêmia é um crime imaginário contra um ser imaginário.

    Teologia e o que gato faz na areia pra mim é a mesma coisa.

    Você quer ter uma discussão saudável comigo?
    Pois então poste aqui argumentos que contradizem minha afirmação.

    Se não pode, cale-se e pare de me ameaçar com essa coisa infantil e idiota que é o inferno, que VOCÊ acredita que existe.

    Um abraço

    Sérgio

    ResponderExcluir
  18. A bíblia está repleta de erros.

    Se você afirma que ela não tem erro algum, você vai me provar que existem sátiros, dragôes, unicórnios.

    Você vai provar que a terra é redonda, que as flores podem viver sem sol e que o céu é fundido como vidro.

    Você vai provar que cobras e burros falam.

    Certo?

    Não, não vai.
    Você vai me dizer que eu tirei do contexto.
    Você vai me dizer que eu não conheço a bílbia.
    Você vai me que eu não soube interpretar.
    Você vai me dizer que essas partes são parábolas.

    E isso que eu citei não é nem um centésimo, do que tem na bíblia, de coisas contraditórias e erradas.

    Um abraço

    Sérgio

    ResponderExcluir
  19. Uma correção na minha postagem anterior...

    Onde se lê "redonda" leia-se "círculo".

    ISAÍAS 40:22

    "E ele o que está assentado sobre o círculo da terra, cujos moradores são para ele como gafanhotos; é ele o que estende os céus como cortina, e o desenrola como tenda para nela habitar."

    Até +

    Sérgio

    ResponderExcluir
  20. Ei Sergio....

    “E disse-me o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir” (Jr 1.12).

    A Bíblia, em sua essência, é a Palavra de Deus; não contém erros de qualquer natureza, graças à sua plena inspiração, sob supervisão do Espírito Santo. Essa é uma declaração irrefutável. Não pode ser posta em dúvida. Os descrentes querem, a todo o custo, apontar erros nos textos bíblicos. No entanto, como se trata de um Livro de natureza espiritual, inspirado por Deus, não pode conter erros, em seu conteúdo. Pode haver falhas nas traduções, nas interpretações ou na sua apresentação gramatical, visto que, tendo sido escrita em linguagem antiga, no hebraico e no grego, além de expressões breves no aramaico, é possível observar-se algumas falhas em termos de grafia ou de tradução.

    Porém, as possíveis falhas, ou dificuldades de tradução, ou de interpretação, jamais podem ser consideradas como indicativas de erro na mensagem bíblica. Menos de 1% dos “erros” encontrados nos manuscritos, são falhas na transmissão da mensagem, e não afetam a integridade da Palavra de Deus. Deus disse a Jeremias: “Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir” (Jr 1.12b). Nos primórdios da reunião dos livros da Bíblia, houve um processo meticuloso, em termos de seleção das fontes originais, ou dos autógrafos, que deram origem aos textos da Bíblia. Assim, podemos afirmar com toda a segurança que, quando em conformidade com os manuscritos originais, a Bíblia não tem erros em seus textos.

    De maneira especial, Deus transmitiu sua vontade aos homens. E o fez através da mensagem escrita, para que ninguém pudesse alegar possíveis falhas, que poderiam ocorrer na transmissão oral, ao longo dos séculos. E, nesse processo de transmissão escrita, de modo inspirado, a Bíblia merece toda confiabilidade e reconhecimento de sua veracidade. Ela é inerrante, ou seja, não contém erros em seu conteúdo, em suas mensagens, em seus propósitos.

    Inerrância é a qualidade de quem é inerrante, ou que não comete erros. “Que não pode errar; infalível”.1 As mensagens dos homens, em toda a História, têm sido criticadas, e até desprezadas, por se constatarem falhas ou erros em seu conteúdo. Tais mensagens não podem reivindicar inerrância. Até mesmo as ciências, fundamentadas em dados e informações, obtidas a partir de pesquisas, e evidências empíricas, têm suas falhas ou erros. Mas a Palavra de Deus, consubstanciada na Bíblia Sagrada, não pode conter erros, ou seja, ela é inerrante.
    Para o homem herege, ateu, materialista, tais razões não fazem sentido. E isso é natural. A Bíblia acentua a incapacidade de o homem natural não absorver a mensagem de Deus. Diz Paulo: “Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente” (1 Co 2.14). Para o homem espiritual, no entanto, a Bíblia é objeto do seu amor e reflexão. “Oh! Quanto amo a tua lei! É a minha meditação em todo o dia!” (Sl 119.97)

    ResponderExcluir
  21. Ei Sergio....

    Para o homem herege, ateu, materialista, tais razões não fazem sentido. E isso é natural. A Bíblia acentua a incapacidade de o homem natural não absorver a mensagem de Deus. Diz Paulo: “Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente” (1 Co 2.14). Para o homem espiritual, no entanto, a Bíblia é objeto do seu amor e reflexão. “Oh! Quanto amo a tua lei! É a minha meditação em todo o dia!” (Sl 119.97)
    A Bíblia, em sua essência, é a Palavra de Deus; não contém erros de qualquer natureza, graças à sua plena inspiração, sob supervisão do Espírito Santo. Essa é uma declaração irrefutável. Não pode ser posta em dúvida. Os descrentes querem, a todo o custo, apontar erros nos textos bíblicos. No entanto, como se trata de um Livro de natureza espiritual, inspirado por Deus, não pode conter erros, em seu conteúdo. Pode haver falhas nas traduções, nas interpretações ou na sua apresentação gramatical, visto que, tendo sido escrita em linguagem antiga, no hebraico e no grego, além de expressões breves no aramaico, é possível observar-se algumas falhas em termos de grafia ou de tradução.

    Porém, as possíveis falhas, ou dificuldades de tradução, ou de interpretação, jamais podem ser consideradas como indicativas de erro na mensagem bíblica. Menos de 1% dos “erros” encontrados nos manuscritos, são falhas na transmissão da mensagem, e não afetam a integridade da Palavra de Deus. Deus disse a Jeremias: “Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir” (Jr 1.12b). Nos primórdios da reunião dos livros da Bíblia, houve um processo meticuloso, em termos de seleção das fontes originais, ou dos autógrafos, que deram origem aos textos da Bíblia. Assim, podemos afirmar com toda a segurança que, quando em conformidade com os manuscritos originais, a Bíblia não tem erros em seus textos.

    De maneira especial, Deus transmitiu sua vontade aos homens. E o fez através da mensagem escrita, para que ninguém pudesse alegar possíveis falhas, que poderiam ocorrer na transmissão oral, ao longo dos séculos. E, nesse processo de transmissão escrita, de modo inspirado, a Bíblia merece toda confiabilidade e reconhecimento de sua veracidade. Ela é inerrante, ou seja, não contém erros em seu conteúdo, em suas mensagens, em seus propósitos.
    Inerrância é a qualidade de quem é inerrante, ou que não comete erros. “Que não pode errar; infalível”. As mensagens dos homens, em toda a História, têm sido criticadas, e até desprezadas, por se constatarem falhas ou erros em seu conteúdo. Tais mensagens não podem reivindicar inerrância. Até mesmo as ciências, fundamentadas em dados e informações, obtidas a partir de pesquisas, e evidências empíricas, têm suas falhas ou erros. Mas a Palavra de Deus, consubstanciada na Bíblia Sagrada, não pode conter erros, ou seja, ela é inerrante.

    É uma pena vc não saber disso....uma pessoa tão culta e inteligente como vc!!!

    ResponderExcluir
  22. Manuscritos originais?

    Podes me dizer onde estão os manuscritos originais para podermos comparar com as cópias que temos hoje em dia? (é uma pergunta retórica, se quiseres te dou a resposta ou pesquise).

    De onde você tirou a informação que menos de 1% de erros são falhas de transmissão?
    Poste a fonte da informação aqui, por favor.

    Você já ouviu falar na "Cláusula Joaniana"
    (http://pt.wikipedia.org/wiki/Comma_Johanneum)?

    Pesquise depois volte aqui e me diga o que acha.

    Deus transmitiu sua vontade aos homens através de mensagem escrita?
    Essa é nova!
    Quem escreveu a bíblia foram os homens que, diziam, ser inspirados por deus.
    Percebes a diferença?

    Você afirma que um houve um processo meticuloso na formação da bíblia.
    Então porque alguns livros que são citados dentro da própria bíblia não fazem parte dela?

    E quem promoveu esse "processo meticuloso"?
    Um bala para quem acertar!

    Vou me repetir aqui.
    Eu conheço a bíblia. Mas, além de conhecer a bíblia, eu conheço sua história. Quando eu falo "história" quero dizer a história da bíblia em si e não somente suas lendas.

    Você sabe, por exemplo que nunca houve um êxodo de Hebreus? Eu sei.

    Você sabe quantos mandamentos tem a bíblia? Vou dar uma dica: não são 10.

    Um abraço

    Sérgio

    ResponderExcluir
  23. Ei Sergio, vc e um louco ALUCINADOOOOO....
    E MESMO NAO ACREDITANDO EM DEUS E EM SUA PALAVRA SAIBA QUE JESUS TE AMA MUITO....

    ResponderExcluir
  24. "E MESMO NAO ACREDITANDO EM DEUS E EM SUA PALAVRA SAIBA QUE JESUS TE AMA MUITO.... "

    So não o suficiente para poupalo de uma eternidade de tortura XD.

    ResponderExcluir
  25. Eu? Um louco alucinado?
    HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

    Tá bom...acreditar no gênesis, no dilúvio, no inferno, por exemplo, é coisa mais lúcida e normal do mundo...HAHAHAHAHAHAHAHA...

    "Me ame ou vá para o inferno". Lindo o amor desse Deus-Jesus!

    Prefiro o amor da minha esposa, obrigado. :)


    Parafraseando (e brincando com) a própria bíblia:

    "Ora, o homem espiritual não compreende as coisas do homem natural e da ciência, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem materialmente."

    "Eu, sem deus, sou eu mesmo. Deus, sem mim, NÃO EXISTE."

    Contradizer os meus argumentos e responder as minhas perguntas, nada né?

    Sabes o que é "Argumentum ad hominem"?

    Um abraço

    Sérgio

    ResponderExcluir
  26. Bem...como eu esperava!

    Muito xingamento, muitas maldições, muitas falácias e nada de argumento e de responder às perguntas.

    Um abraço

    Sérgio

    ResponderExcluir
  27. Caro Sérgio,

    Com que finalidade você perde tanto tempo lendo os documentos históricos? Para provar aos supostos ignorantes que você estudou mais do que eles? Ou será para aumentar o seu ego e ganhar seguidores? Não posso responder suas perguntas pois não me dei o trabalho de ler a bíblia e por isso posso ser intitulado de "o cético do cético".

    Como aprendi no filme "O livro de Eli" , realmente a bíblia é uma arma poderosa.

    ResponderExcluir
  28. "Não posso responder suas perguntas pois não me dei o trabalho de ler a bíblia e por isso posso ser intitulado de "o cético do cético"."

    Acho isso demais XD, os religiosos que supostamente deveriam saber do que estão falando, nem leram a porra do livro que ele afirmam ser divinamente inspirado.

    "Como aprendi no filme "O livro de Eli" , realmente a bíblia é uma arma poderosa. "

    Tendo fontes de informação tão "confiaveis", não é a toa que os argumentos sejam rasos, pesquise sobre a europa dos seculos 7 ao 16, e você vai ver como religião é um perigo quando tem poder de governo.

    Ou apenas ligue a tv, e veja o estado do oriente medio.

    ResponderExcluir
  29. Mauricio, Não sou religioso, por isso citei um filme como fonte, prova de meu desconhecimento.

    O que eu me divirto aqui é com vocês céticos debatendo coisas que vocês já sabem que estão erradas. Tiremos a religião de nossa sociedade e deixemos os céticos dominar os governos e veremos se melhora.

    ResponderExcluir
  30. Outra coisa que me divirto é quando tem a virada de ano, todos os céticos na praia vendo a queima de fogos e mais um ano "depois de Cristo" passando pela sua frente. Como deve ser para vocês falar que estamos mais um ano "depois de Cristo" ?

    ResponderExcluir
  31. Cético sempre está amparado de outro cético e seguem sempre a mesma linha de defesa. Por que não criam também seu "testamento" ? O maior cético dos céticos poderia ser o lider e assim criar uma hierarquia e filiais pelo mundo.
    Assim vocês poderiam criar o ANO 1 após o "testamento dos céticos".

    ResponderExcluir
  32. Uma boa leitura encontra-se aqui... http://www.daemon.com.br/wiki/index.php?title=Jesus,_o_%C3%ADdolo_dos_Ateus

    ResponderExcluir
  33. "Mauricio, Não sou religioso, por isso citei um filme como fonte, prova de meu desconhecimento."

    Ok, tomei você por religioso, falha minha.

    "O que eu me divirto aqui é com vocês céticos debatendo coisas que vocês já sabem que estão erradas."

    Bom na verdade, se fosse isso não teria porque debater, nos debatemos justamente porque tem pessoas que acreditam na cobra falante, no cara que era filho de deus, e outras coisas, é para tentar esclarecer essas pessoas, que nos debatemos.

    "Como deve ser para vocês falar que estamos mais um ano "depois de Cristo" ? "

    Na maior parte do tempo é ierrelevante é apenas um calendario, não prova nada, oque me deixa furioso é quando vem o argumento que um calendario prova que Jesus era filho de deus e existiu XD.

    "O maior cético dos céticos poderia ser o lider e assim criar uma hierarquia e filiais pelo mundo."

    Não seria bom, porque você estaria criando uma organização desnecessaria, alem do mais, qualquer um pode ser cetico, não precisa de uma organização para reconhecer formalmente que você é cetico.

    Por exemplo: Aparece uma mancha em uma janela, muitas pessoas saem correndo para ver quem chega mais perto para louvar a "mancha sagrada", o cara la do fundo que para e tentar descobrir se é apenas uma mancha ou outra coisa, esta sendo cetico.

    Você pode escrever alguma coisa basica como, "procure por evidencias", ou, "não aceite algo fora do comum sem evidencias", mas escrever uma "biblia so cetico" ja seria um exagero, e estariamos nos colocando no mesmo patamar de uma religião, oque não é.

    ResponderExcluir
  34. Então Mauricio, está mensagem não é para você... acabei generalizando, falha minha. O que mais vi nos comentários dos céticos deste blog é agressividade sistematica e deboche dos menos esclarecidos, tornando-se um cético fanático e chato. Por isto indiquei a leitura daquele link. Do meio para o final principalmente.

    ResponderExcluir
  35. Sergio

    "E não precisamos de um vídeo para comprovar um fato. Pois não temos um vídeo mostrando como Alexandre o Grande combatia suas guerras, nem um vídeo mostrando como o Faraó Kheops ordenou a contrução da piramide de Gizé.

    E nem por isso duvida-se desses fatos já que exitem evidências, provas e fontes de informação descritas por historiadores que corroboram isso.

    Já sobre o dito Jesus, não existe NADA além do que está escrito na bíblia. E a bíblia não prova de nada, pois ela não é um documento histórico."


    Todos eles fizeram historias, construiram destruiram e etc.
    Jesus não tem fonte histórica, porque Jesus não fez reino, não dominou nenhum território não fez nada o que eles fizeram.

    é a bíblia prova muitas coisas que acontecem e vão acontecer

    "E eu posso afirmar "A BÍBLIA É UM LIXO""

    para você a bíblia é um lixo, mas não ela conta as histórias e as coisas que vão acontecer desde o começo dos tempos.

    ResponderExcluir
  36. "Se você afirma que ela não tem erro algum, você vai me provar que existem sátiros, dragôes, unicórnios."

    A bíblia não tem erro, ela foi feito testemunhas, escritores, etc.
    e foi feio por varias pessoas, ela não possui erro se você entender porque ela foi feito.

    "Você vai provar que a terra é redonda, que as flores podem viver sem sol"

    tudo isso pode existir se tiver Deus no meio disso.

    "e que o céu é fundido como vidro."

    isso foi o que Jó achou como era o céu.

    "Você vai provar que cobras e burros falam."

    tudo isso pode existir se tiver Deus no meio disso. [2]

    "E isso que eu citei não é nem um centésimo, do que tem na bíblia, de coisas contraditórias e erradas."

    isso ai não tem nada de contraditório.

    ResponderExcluir
  37. "Então porque alguns livros que são citados dentro da própria bíblia não fazem parte dela?"

    todos os livros que estão na bíblia fazem parte da bíblia.

    "De onde você tirou a informação que menos de 1% de erros são falhas de transmissão?"

    a bíblia não tem erro

    "Você sabe quantos mandamentos tem a bíblia? Vou dar uma dica: não são 10."

    não são dez são, tem muito mais do que dez

    ResponderExcluir
  38. "So não o suficiente para poupalo de uma eternidade de tortura XD."

    fala isso não poupa ninguém de eternidade de sofrimento, mas mostra que Jesus te ama.

    "Tá bom...acreditar no gênesis, no dilúvio, no inferno, por exemplo, é coisa mais lúcida e normal do mundo...HAHAHAHAHAHAHAHA..."

    se você quer acreditar ou não que essas coisas aconteceram ou não você que escolhe.

    "Acho isso demais XD, os religiosos que supostamente deveriam saber do que estão falando, nem leram a porra do livro que ele afirmam ser divinamente inspirado."

    o livro foi divinamente inspirado e foi escrito por homens.

    "Tendo fontes de informação tão "confiaveis", não é a toa que os argumentos sejam rasos, pesquise sobre a europa dos seculos 7 ao 16, e você vai ver como religião é um perigo quando tem poder de governo.

    Ou apenas ligue a tv, e veja o estado do oriente medio."

    a religião católica quando estava no poder, ela era corrupta, ela não obedecia os mandamentos de Deus.

    ResponderExcluir
  39. "Na maior parte do tempo é ierrelevante é apenas um calendario, não prova nada, oque me deixa furioso é quando vem o argumento que um calendario prova que Jesus era filho de deus e existiu XD."

    um calendário não quer dizer muita coisa, quer é só para mostrar quando Jesus nasceu eles começaram a contar.

    ResponderExcluir
  40. "um calendário não quer dizer muita coisa, quer é só para mostrar quando Jesus nasceu eles começaram a contar. "

    Porra Infor, de novo com essa merda de argumento?

    Então se nos tivessemos um calendario do Hercules, ou do Rei Arthur, isso provaria que eles eram verdadeiros?

    Ainda mais, o calendario cristão so foi estabelecidos seculos depois do suposto fato.

    ResponderExcluir
  41. "Jesus não tem fonte histórica, porque Jesus não fez reino, não dominou nenhum território não fez nada o que eles fizeram."

    Platão tambem não construiu nem um reino, mas nos temos uma imagem historica bastante precisa, Isaac Newton, tambem não teve reino, nem Galileu, nem Aristoteles, preciso dizer mais?

    "tudo isso pode existir se tiver Deus no meio disso."

    Comico, "pode porque tem deus", ok prove que esse deus existe, e que o da sua religião, porque qualquer um pode dizer, "isso pode porque meu deus X, pode tudo".

    "isso ai não tem nada de contraditório. "

    Os que ele citou realmente não tem , mas o proprio blog tem uma lista de contradições da biblia.

    "fala isso não poupa ninguém de eternidade de sofrimento, mas mostra que Jesus te ama."

    Meu caro, você não ve nenhuma contradição em dizer, "Jesus te ama, mas se você não acreditar nele, você vai ter torturado por toda a eternidade"?

    "o livro foi divinamente inspirado e foi escrito por homens."

    Falar é facil, mas não mostrou nada de evidencias .

    "a religião católica quando estava no poder, ela era corrupta, ela não obedecia os mandamentos de Deus. "

    E isso importa? Sua religião é um perigo, e não fez nada de bom enquanto tinha poder de governo, igual aos países arabes que tem teocracias hoje em dia.

    Seu deus manda que se alguem vier e te oferecer outro deus para louvar, você deve ser o primeiro a mata-lo, como você concorda com deus, você mataria alguem por isso?

    ResponderExcluir
  42. Redescobrindo o Jesus Histórico: Pressuposições e Pretensões do Jesus Seminar

    http://cristianismocomevidencias.wordpress.com/2011/01/22/1%C2%B0post/

    Esse é um texto do Dr. em Filosofia William Lane Craig, que tem deixado os ateus de cabelo em pé, nos USA.

    Para verem um debate em que Richad Dawkins debate com o Dr. William Craig.

    Imperdivel!

    Esse é o Video >>> http://www.youtube.com/watch?v=2Bla3t8jEP4

    ResponderExcluir
  43. Jean, você não precisa ficar postanto texto que são de autoria de outra pessoa, tudo que você tem que fazer, é construir um argumento e apresentar as evidencias que o apoiam, ou eu estou pedindo muito de você?

    ResponderExcluir
  44. Evidências são evidências, não importa da onde vem, o importante é que elas existem.

    Deixa de show Mauricio, pois você mesmo sabe que aqui nesse blog exite uma porrada de videos que não são do dono desse blog.

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  45. Realmente, o blog não fez nenhum dos videos que ele posta, mas pelo menos nos comentarios, e quanto você esta discutindo com alguem, você espera que a pessoa use a sua propria inteligencia para justificar sua posição.

    Eu não me importaria se você fizesse um argumento, e depois postasse uma reportagem mostrando alguma evidencia, como o dente que você dizia que ameaçava a teoria da evolução.

    Mas acho que é simplesmente preguiça, você vir aqui, e simplesmente postar uma reportagem, que nem é de sua autoria.

    ResponderExcluir
  46. Lembrando que você é livre para você criar seu proprio bolg, e postar os textos e videos que você quiser, mas vir fazer isso nos dos outros, é muita sacanagem.

    ResponderExcluir
  47. Redescobrindo o Jesus Histórico: Pressuposições e Pretensões do Jesus Seminar

    http://cristianismocomevidencias.wordpress.com/2011/01/22/1%C2%B0post/

    Esse é um texto do Dr. em Filosofia William Lane Craig, que tem deixado os ateus de cabelo em pé, nos USA.

    Para verem um debate em que Richad Dawkins debate com o Dr. William Craig.

    Imperdivel!

    Esse é o Video >>> http://www.youtube.com/watch?v=2Bla3t8jEP4

    ResponderExcluir
  48. A Bíblia e as grandes descobertas arqueológica

    O resultado prático de toda a pesquisa arqueológica realizada nas terras bíblicas pode ser medido por um grande número de descobertas e pela relevância de tais achados para quem estuda a história antiga da região e sua relação com a Bíblia. Na verdade existem centenas de referências arqueológicas importantes que poderiam ser relacionadas aqui. Dezenas de cidades e centenas de objetos arqueológicos foram descobertos e estudados na história moderna. Aqui apresentaremos as principais descobertas dos últimos duzentos anos bem como sua importância para o estudo das Sagradas Escrituras.

    1. Os manuscritos do Mar Morto. São as cópias mais antigas do AT, mil anos mais antigas do que os disponíveis até então. São centenas de folhas de manuscritos, mas todos eles estão bem preservados em relação ao texto massorético. São datados entre 200 a.C a 100 d.C e foram encontrados em 1947/1948 em 11 cavernas da região de Qumran, no deserto da Judéia. Os manuscritos continham: 1) Cópias integrais ou parciais de todos os livros canônicos do AT (exceto Ester); 2) Comentários das Escrituras; 3) Material dos livros apócrifos e pseudepígrafes do período interbíblico; 4) Manuscritos das regras e doutrina da seita (a espera do Messias, um secular e religioso e a esperança do juízo divino iminente sobre os ímpios; 5) Textos sobre outros assuntos, como o Rolo do Templo e o tesouro oculto descrito no Rolo de Cobre. São guardados e conservados no museu do Livro em Jerusalém, Israel.

    2. O código de Hamurabi. Trata-se de um código de antigas leis babilônicas que apresenta paralelos com a lei mosaica. È do séc. XVIII a.C.

    3. A Pedra Roseta. Foi encontrada pelo francês Champolion no Egito, foi a chave para decifrar o egípcio antigo com seus hieróglifos.

    4. O calendário de Gezer. Calendário agrícola que traz um dos mais antigos registros do hebraico bíblico; as poucas linhas aparecem na escrita paleo-hebraica.

    5. A epopéia de Gilgamés. Texto acadiano que descreve um paralelo muito próximo do dilúvio bíblico.

    6. O prisma de Senaqueribe. Descreve o cerco assírio de Senaqueribe a Jerusalém em 701 a.C. É datado de 686 a.C e confirma a história da resistência do rei Ezequias narrada na Bíblia.

    Vejam mais nesse site > http://www.davarelohim.com.br/a-biblia-e-as-grandes-descobertas-arqueologicas/

    ResponderExcluir
  49. Quero passar para vocês uns dos maiores e melhores debate que já vi sobre o ateísmo e o teísmo cristão:
    [DEBATE] Deus, Um Delírio: O Debate - Richard Dawkins & John Lennox

    Veja esse link>> http://vimeo.com/9545016

    Se não da certo nesse link, tente esse daki:
    http://deusemdebate.blogspot.com/2010/02/deus-um-delirio-o-debate-richard.html

    Ao verem o debate espero que cristãos e ateus aprendam a debaterem de uma forma amigavel, sem ofensas, como fez o Sr. Mauricio ao chamar minha mãe de put...

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  50. "como fez o Sr. Mauricio ao chamar minha mãe de put..."

    Eu chamei sua mãe de puta? não me lembro disso, em qual topico que foi isso?

    ResponderExcluir
  51. Então, Jean, cade a minha resposta, ou você so vai ficar fazendo acusações vazias agora?

    ResponderExcluir
  52. Maurício...

    Acusações vazias e argumentos vazios são o que os crentoscos nos oferecem...

    Um abraço

    Sérgio

    ResponderExcluir
  53. Alguém citou:

    “Com que finalidade você perde tanto tempo lendo os documentos históricos? Para provar aos supostos ignorantes que você estudou mais do que eles? Ou será para aumentar o seu ego e ganhar seguidores? Não posso responder suas perguntas pois não me dei o trabalho de ler a bíblia e por isso posso ser intitulado de "o cético do cético".

    Como aprendi no filme "O livro de Eli" , realmente a bíblia é uma arma poderosa. “

    Eu respondo:

    - Leio documentos históricos porque não sou alienado e quero aprender com fontes, o mais confiáveis possíveis.
    - Não quero e não preciso provar nada a ninguém, só não admito usarem de falácias num debate. Se usam de falácias eu mostro o que são argumentos de verdade.
    - Aumentar meu ego? Seguidores? Que papo é esse?
    - Não pode responder minhas perguntas? Então abstenha-se de postar, senão vai passar atestado de tolo.
    - não se deve citar um filme daqueles num debate sério.


    Outro citou:

    “é a bíblia prova muitas coisas que acontecem e vão acontecer”
    “para você a bíblia é um lixo, mas não ela conta as histórias e as coisas que vão acontecer desde o começo dos tempos.”

    Eu respondo:

    - Cite aqui coisas que a bíblia provou que aconteceu e que vão acontecer (mas capricha, pois conheço toda essa papagaiada)
    - Cite aqui o que ela conta das coisas vão acontecer (capricha de novo, viu...)

    Outro citou:

    “tudo isso pode existir se tiver Deus no meio disso.”

    Eu respondo:

    - E eu posso dizer que tudo isso pode acontecer porque Shiva e Odin resolveram fazer. E aí...como é que fica? Porque seu “argumento” é melhor que o meu, heim?

    Outro citou:

    “todos os livros que estão na bíblia fazem parte da bíblia.”

    Eu respondo:

    - Chegou o “capitão óbvio”. Sim eu sei disso . O que eu quero dizer é que existem livros que são citados dentro da própria bíblia que não fazem parte dela. Entendeu agora? A pergunta é: porque esses livros não fazem parte da bíblia? Eu sei porquê, você sabe?

    Ademais, o Maurício já respondeu de forma mais do que satisfatória outras “argumentações” que me foram feitas.

    Um abraço e

    Até +

    Sérgio

    ResponderExcluir
  54. MARCIO PEACE LORD JESUS30 de maio de 2011 03:09

    A BIBLÍA É O TESTAMENTO DEIXADO POR DEUS,UM LIVRO DE 66 PORTAS MOSTRANDO PARA O HOMEM QUE ELE DEVE SE VOLTAR PARA SEU CRIADOR,APENAS ISSO.E QUE ESSES 66 LIVRINHOS QUE TEM COMO SEU AUTOR O **ESPÍRITO SANTO**E QUE ESTA CENTRALIZADO SOBRE **CRISTO**O TODO PODEROSO,E QUE VERTEU UM SANGUE INOCENTE PARA SALVAR O HOMEM DO **FOGO DO INFERNO JUNTAMENTE COM SATANÁS.TUDO O QUE FOI DITO NOS 39 LIVROS DO AT SÃO SOMBRAS DAS COISAS FUTURAS,E A PREPAÇÃO DA VINDA DO **SALVADOR**SATANÁS SEMPRE VAI SE OPOR CONTRA O REINO DE DEUS,ISSO SÓ VAI MUDAR NO JUIZO FINAL,ATÉ SEU MOMENTO,CONTINUA SENDO DERROTADO PELA INERRANTE **PALAVRA DE **DEUS**

    ResponderExcluir
  55. Que bom Marcio...agora você se importaria de mostrar qualquer evidencia do que você disse? começando pelo seu deus por favor.

    ResponderExcluir
  56. Ele não precisa, Mauricio, ele já mostrou todas as evidências que tem: 66 "LIVRINHOS".

    Se pedir mais, ele vai cair em redundância, naquela eterna superfluidade de palavras.

    MILSON

    ResponderExcluir
  57. Sinceramente, não sou nenhuma religiosa e acho a internet o máximo, exatamente, por permitir que as pessoas tenham liberdade de expressão para criarem sites para apregoarem suas ideias, por exemplo. Mas quem posta na internet e abre espaços para comentários, é porque está permitindo que pessoas com opiiões diversas das suas possam participar do seu site.

    Eu já li uns três postes e não vi o Maurício apresentar nada que me pusesse em dúvida acerca das passagens que ele visa confrontar. O que eu vejo é uma certa dificuldade de interpretação daparte dele... E daí que em um dos livros se diz que s anjos o serviam? Esse servir tem que, obrigatoriamente, ser servir de colocar comida? Para mim não! Pode ser servir de adorar, auxiliar, prestar companhia... Não necessariamente de por comida diante de...

    A impressão que dá é que ele não se dá nem ao trabalho de olhar no dicionário os vários significados que uma mesma palavra pode assumir na nossa língua. Prova disso é quando falav da suposta destruição da Cidade de Tiro. Para mim, o dono do blog tá demonstrando mais ignorância, dando um show na verdade, bem mais do que os cristãos a quem pretende atingir.

    Poxa, a história foi escrita por três pessoas diferentes. Cada um tem sua forma de escrever, seu estilo. Existem pessoas que são mais prolixas. Outras que contam apenas o que acham necessário. Se eu pedisse para você escrever um texto três vezes sobre uma mesma viagem que você fez, eu tenho certeza de que, nos três textos, eu encontraria algo a mais que no primeiro e que no primeiro e no segundo quando eu lesse o terceiro texto. Isso uma só pessoa descrevendo um mesmo fato. Agora imagina três!

    Eu acho muito bom que as pessoas criem blogs para divulgar suas ideias. Mas eu acredito que tudo tenha um porquê. Tudo parte de um motivo. Então por que para você é tão importante que as pessoas descreiam na Bíblia? Sim porque quando você cria um blog e permite que as pessoas comentem é porque são, justamente, esses comentários que irão alimentar o que você escreve porque se tais ideias fossem para ficar somente com você, acredito que você jamais se daria ao trabalho de postar em um blog.

    ResponderExcluir
  58. Continuando...

    Parece que você quer converter as pessoas ao seu ceticismo e , para isso, você se utiliza de argumentos tão pobres quanto os dos cristãos. Sim, porque, até agora, não vi você falar nada demais. Você parece os crentes tentando converter as pessoas sobre sua crença. Nesse ponto, não vejo diferença alguma entre você e os crentes.A diferença apenas é porque um quer converter pelo que acredita e você pelo que não acredita que, no fim, acaba sendo também uma crença. Crença de que a Búblia é mentirosa.

    Sei nem por que as pessoas perdem tempo querendo convencer você da fé delas.

    Eu só comento porque, sinceramente, a fragilidade dos teus argumentos me incomodam muito porque para alguém com as pretensões que você tem, que é de mostrar racionalmente as inverdades da Bíblia, seus argumentos são muito frágeis. Vejo nada demais.

    Já assisti a documentários que apresentavam documentos históricos sobre a veracidade de algumas passagens bíblicas. se tais documentos são confiáveis ou não, faço a menor ideia, nem tenho como provar isso. Mas o que eu acho mesmo é que os cristãos vão acreditar nesses documentos porque eles já acreditam que a Bíblia seja uma verdade, sendo o documento tão somente uma forma de provar aos céticos, concretamente, aquilo que acreditam e funcionando para os cristãos como uma reafirmação, retificação de sua fé. Porém, ainda que se tais documentos inexistissem, mesmo assim eles continuariam a crer. Para quem não acredita, como você, o documento histórico será duvidoso, indigno de credibilidade.Então, mesmo tais documentos existindo você sempre lançará dúvidas. Isso porque você já previamente não acredita. Sendo assim, a sua incredulidade me parece nata e não fruto de evidências porque não vi você apresentar nenhum fundamento sólido que podesse demonstrar de forma inequívoca e indubitável seu ponto de vista. Tudo o que eu vejo é uma cegueira cética. Se os cristãos são assolados pela cegueira da crença. Você é pela cegueira do ceticismo e,por causa disso, não se difere tanto deles como pense ou pretenda.

    Vejo que você, a cada suposta contradição bíblica que apresenta, parece querer provocar os cristãos. Lendo seus postes não entendi o seu afã em provar para as pessoas que a Bíblia é uma farsa. Percebi isso porque você não posta seu ponto de vista sobriamente. Você provoca os cristãos também, cutuca.Como se aguardasse a reação do outro. Em vista disso, começo a pensar que talvez você acredite mais na Bíblia do que os próprios cristãos. Do contrário, para quê todo esse fanatismo debochado em querer " provar" que a Bíblia é mentirosa? Parece-me mais uma busca insconsciente para que alguém chegue e o conveça de que aquilo é uma verdade, já que quem provoca está, claramente, buscando alguma reação do outro. Se você já acredita que a Bíblia é mentira, tem certeza disso, por que instigar o outro? O que se ganharia com isso?

    Parece que faz isso para testar os cristãos. Parece que a sua crença está condicionada a segurança com quem alguém possa lhe reafirmar as passagens bíblicas. Mas aqui ninguém nunca fez isso. Parece que você quer algo seguro para acreditar, mas acreditar na Bíblia é uma questão acima de tudo, de fé a fé talvez para você não seja segura o suficiente por não ser palpável, demonstrável e, por isso, frequentemente suscitar dúvidas e essas dúvidas perturbam tanto a ponto de você se apegar à primeira bobagem para desistir de acreditar. Então, é melhor e mais seguro ser racional. Sinceramente, lendo três postes seus foi isso que me pareceu porque se você não acreditasse, simplesmente não acreditava e pronto e dane-se quem acredita.

    ResponderExcluir
  59. Fabiola

    "Eu já li uns três postes e não vi o Maurício apresentar nada que me pusesse em dúvida acerca das passagens que ele visa confrontar. O que eu vejo é uma certa dificuldade de interpretação daparte dele... E daí que em um dos livros se diz que s anjos o serviam? "

    Presta atenção filha, o blog não é meu, é do Cristiano SamZZ, eu nunca sequer mencionei essa passagem nos meus comentarios.

    Presta atenção antes de começar a atacar uma pessoa que apenas visita o blog.

    ResponderExcluir
  60. "Eu já li uns três postes e não vi o Maurício apresentar nada que me pusesse em dúvida acerca das passagens que ele visa confrontar."

    (...)

    "Já assisti a documentários que apresentavam documentos históricos sobre a veracidade de algumas passagens bíblicas. se tais documentos são confiáveis ou não, faço a menor ideia,"

    Putz, a Fabíola me deu muita "vergonha alheia". Fabíola, se você não sabe do que se trata, se você não compreende argumentos lógicos básicos, se a sua fonte de informação principal são documentários, é melhor não se pronunciar.

    Maurício, Sérgio, e outros: não percam seu tempo; a fé remove montanhas, e também remove o senso crítico de boa parte dos crentes.

    ResponderExcluir
  61. e ai qual a conclusão? Só delz sabe hahahahah

    ResponderExcluir
  62. ola ! este texto não fala sobre jejum, e nem tampouco que Jesus, foi ao deserto para jejuar, o texto diz que o ESPIRITO SANTO, o levou ao deserto, para ser tentado.

    DEUS não leva ninguém a lugar algum para jejuar, o jejum tem que ser uma iniciativa,

    de quem esta interessado em fase-lo, ou seja o crente e que tem que desejar, o jejum

    e algo particular de cada um.

    ai vai mas uma observação, JESUS Cristo, (DEUS), não poderia e nem pode ser tentado, (Tiago,1;13) e nem tampouco Jesus Cristo como homem, poderia ficar 40 dias sem se alimentar. entendam, bem Jesus como homem foi levado pelo ESPIRITO SANTO, ou seja ele estava sobre os cuidados de DEUS. assim como MOISÉS, quando subiu ao monte e ficou 40 dias sobre os cuidados de DEUS, e não teve durante este tempo em que la ficou nenhuma necessidade básica porque o próprio DEUS supriu suas necessidades. assim também, Jesus Cristo estando aos cuidados de DEUS, teve suas necessidades supridas.

    o texto diz que só depois,de terminados os dias e que ele teve fome.

    na realidade este texto fala da preparação de Jesus, para o seu ministério, que teve inicio quase um ano depois destes, acontecimentos. espero ter ajudado, sem ofensa.

    ResponderExcluir
  63. Nesse caso, você está admitindo, ao contrário do que todos os líderes religiosos pregam, que se Jesus fossem tentado como homem, sem a blindagem de deus, certamente teria cedido à tentação do diabo?

    Essa sua posição gera um problema ainda maior, pois deus não poderia exigir que o homem comum, resista às tentações do diabo sem a mesma proteção que ele deu a Jesus.

    Ah, e o texto fala em jejum sim, veja o que diz a bíblia que costumo ler até mesmo mais do que a maioria dos cristãos, apesar de ser ateu.

    "E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, depois teve fome; - Mateus 4:2"

    De acordo com as suas palavras "JESUS Cristo, (DEUS), não poderia e nem pode ser tentado, nem tampouco Jesus Cristo como homem, poderia ficar 40 dias sem se alimentar."


    Então, amigo, se ele não estava nem na condição de Deus, pois não podreia ser tentando, e nem estava na condição de homem, pois não poderia ficar quarenta dias sem se alimentar, em que condição ele estava?


    Outra coisa, se Deus tem esse poder de blindagem, por que ele não a disponibiliza para todos? Dessa forma evitaria que bilhões de pessoas inocentetes queimassem eternamente no seu inferno, não acha?

    ResponderExcluir
  64. ola! MIlson tudo bem, não foi eu quem disse que Deus não pode ser tentado.
    quem faz esta afirmação e o APOSTOLO TIAGO em sua carta( cap. 1;13)

    o texto que você citou diz que Jesus Cristo estava sobre os cuidados de Deus, pois foi o próprio Espirito Santo quem o levou ao deserto, para ser tentado, assim como Moisés e Elias, estavam sobre os cuidados de Deus,

    este jejum de quarenta dias não e algo comum, o jejum não foi, por iniciativa deles,Deus tinha um proposito de salvar a nação de Israel,e para isto ele usou Moisés e Elias, e usou tantos outros de varias maneiras, é para responder a sua pergunta, Deus já disponibilizou uma porta para que bilhões
    de pessoa não queime no inferno como você disse. isto e bacana saber que você acredita no inferno.

    ResponderExcluir
  65. Oi, Silva!

    Não sei se você lê a bíblia com a mesma atenção que nós, ateus, lemos. Tiago em momento algum fala que Jesus foi tentado como deus ou como homo homem. Ele apenas diz, no verso 13, que o deus bíblico nem pode ser tentado e nem tenta ninguém.



    Mas isso está fugindo do assunto do post.



    Só para ressaltar, eu já acreditei no inferno sim, durante a maior parte da minha vida, pois já fui religioso (evangélico, pra ser exato) e não via um palmo do que estava à frente do meu mariz. Mas hoje só me refiro a ele (o inferno) e a todas as alegorias bíblicas como frutos da imaginação humana, nada mais. Portanto, não se confunda, quando falo de deuses, diabos, anjos, céus e infernos, me refiro a eles como se existissem apenas para o bem do argumento.

    ResponderExcluir